limão

Risotto de Frango e Limão com Queijo Fresco

Agosto, Agosto…passo um ano a sonhar contigo e abandonas-me tão depressa.
As férias deste ano estão quase a terminar. Este verão trouxe muitos mergulhos na piscina e no rio e alguns no mar (calma lá que a água aqui é fria). Trouxe alguns piqueniques, muita fruta e gelados.
Verão que se preze tem de ter muitos gelados. Este ano as novidades trouxeram os novos Soleros de morango e de ananás, que me puseram a suspirar com o coração dividido ao meio. Decisões, decisões…

Para aproveitar os últimos dias quentes do ano (sim porque as primeiras folhas já começaram a cair), deixo-vos este sugestão mais leve e sem culpa para um almoço tranquilo.

Bom apetite!

SERVE: 4
TEMPO: 45MIN

INGREDIENTES:
1 chávena de chá de arroz arbóreo
½ alho francês picado
Sal e pimenta q.b.
2 c.s. de azeite
2 c.s.de manteiga
100g de Queijo fresco
½ chávena de limoncello (ou Martini branco, ou vinho branco, ou champanhe)
½ chávena de courgete com casca cortada em cubinhos
4 coxas de frango limpas de ossos e pele
½ limão
½ L a 1L de caldo de frango


PREPARAÇÃO:

Num tacho coloque o azeite.
Junte a carne e deixe alourar ligeiramente.
Adicione o alho francês picado e deixe refugar durante alguns instantes.
Adicione o arroz arborio e a courgete e frite por alguns minutos.
Junte o álcool que preferir e quando reduzir adicione algum do caldo de frango e mexa ocasionalmente. Sempre que o líquido reduza, acrescente um pouco do caldo, mexendo entre adições.
Cozinhe o arroz por 13-15 minutos.
Quando estiver pronto, junte a manteiga, a raspa e sumo do ½ limão e o requeijão desfarelado e deixe repousar durante 2-3 minutos antes de servir.
Sirva de imediato polvilhado com coentros frescos.

Quadrados de Côco e Requeijão

O coração do país está de luto. Entre as notícias que nos chegam diariamente, surgem os relatos do horror e tragédia que têm assolado as pessoas e floresta do nosso país.
Histórias de medo, perda e dor interminável.
Traumas que irão acompanhar estas pessoas até ao fim das suas vidas.
Pessoas que perderam pessoas, bens, casas.
Pessoas que perderam a esperança e a paz.
Pessoas que perderam tudo.

No meio deste caos que se tem vivido, surgem todos os heróis anónimos que dão o seu tempo, coragem, força e muitas vezes vida para salvar os outros. Bombeiros, vizinhos, pessoas que contribuem com o que podem.
A todos eles…heróis anónimos ou não, vítimas diretas e indiretas, um abraço de força e carinho.

Que venham dias mais felizes!

SERVE: 4
TEMPO: 45MIN

INGREDIENTES:
150g de requeijão (usei de mistura)
5 gemas+5 claras de ovo
1 pitada de sal de mesa
100g de côco ralado
Sumo e raspa de 1 limão
150g de açúcar branco
2 colheres de sopa de mel

PREPARAÇÃO:
Ligar o forno a 180ºC.
Untar com margarina um tabuleiro retangular e reservar.
Bater as claras com uma pitada de sal fino em castelo firme e reservar.
Numa outra taça bater as gemas, o requeijão, o açúcar, o mel, o sumo e a raspa do limão e o côco ralado.
Incorporar aos poucos as claras em castelo sem bater.
Colocar a massa na forma e levar ao forno por 20-25 minutos.
Deixar arrefecer.
Cortar em quadrados e servir polvilhado de côco ralado.

Tarte de Requeijão e Amêndoa

O Carnaval nunca foi uma época que me tivesse marcado especialmente durante a minha infância ou adolescência. Claro que me mascarava, embarcava nas brincadeiras típicas da época, mas acho que só achava giro por ser uma atividade de grupo e não pelo significado em si.
Com o passar dos anos, esse distanciamento foi-se tornando cada vez mais evidente.

Claro que o nascimento de um filho muda muita coisa. E também esta sofreu um saudável “upgrade”.
Não, não me irão ver com nariz de palhaço!
Nem com uma peruca na cabeça…mas confesso que dedico algum tempo a pensar no fato que vou comprar à miúda. Como poderá ela viver esse dia, para que tenha as melhores experiências possíveis.
Enfim…coisas de mãe acho eu!

O ano passado tivemos uma macaquinha, este ano vai de coelhinho.
Dos animais certamente vai passar aos super heróis, depois às princesas, não esquecendo os ídolos e esperemos que fique por aí.

Bom Carnaval e lembrem-se: a vida são 2 dias!!

SERVE: 6
TEMPO: 60MIN

INGREDIENTES:

300g de requeijão
7 gemas+1 ovo inteiro
Raspa de 1 limão
50g de farinha de trigo
50g de manteiga
50g de farinha de amêndoa
100g de açúcar
Açúcar em pó para polvilhar q.b.

PREPARAÇÃO:
Unte uma forma de tarte com manteiga. Forre o fundo com papel vegetal e reserve.
Ligue o forno nos 180ºC.
Numa taça coloque o requeijão e o açúcar e bata. Junte o ovo, as gemas, a raspa de limão e a manteiga derretida. Bata durante alguns minutos.
Adicione a farinha de trigo e a de amêndoa e mexa para que fique tudo incorporado.
Coloque a massa na forma e leve ao forno durante 25 minutos ou até que ganhe uma bela cor dourada no topo e fique firme ao toque.
Retire e deixe arrefecer antes de desenformar.
Polvilhe com açúcar em pó.

Dip de abacate e requeijão

Aposto que estão tão fartos deste tempo quanto eu! Principalmente em dias de trabalho, arrastar as crianças da cama e correr para as creches/escolas/trabalhos com este tempo, não é coisa fácil.
Durante os fins de semana, adoro o conforto destes dias passados em casa, com a lareira ligada e as pantufas nos pés.

Já ando a sonhar com a primavera. Tenho saudades dos casacos leves, das blusas, dos vidros dos carros abertos. Anseio por dias mais quentes e mais compridos, daqueles de sabrina no pé. Mas enquanto estes não chegam, que tal usufruir de paladares mais quentes?

Bom apetite e boa semana!

SERVE: 4
TEMPO: 30MIN

INGREDIENTES:
1 abacate
150g de requeijão de vaca
½ malagueta picada
1 dente de alho
1 molho de salsa
Sal q.b.
2 tortilhas
1 c.chá de paprika fumada
1 Limão
2 c.s. de azeite

PREPARAÇÃO:
Ligue o forno nos 180ºC.
Corte as tortilhas em triângulos e coloque num tabuleiro forrado com papel vegetal.
Numa taça junte o azeite e a paprika e misture. Pincele os pedaços de tortilha e leve ao forno até dourarem (aproximadamente 5 min).
Numa taça coloque o alho, a malagueta, o abacate descascado, o requeijão, o sal, o sumo de 1 limão e a salsa. Misture com uma varinha mágica até obter a textura desejada.
Sirva de imediato acompanhado com as tortilhas.

Let it snow, let it snow, let it snow!

Com o Natal quase à porta, dou por mim a pensar nas prendas. Só hoje me apercebi que falta quase uma semana, e ainda me faltam comprar algumas coisas (espírito português no seu melhor).
Normalmente não sou muito extravagante nos gastos…acho que o Natal é das e para as crianças e que acima de tudo devem cultivar-se outros valores bem mais importantes e que dão sentido a esse dia: o convívio, a amizade e a paz.

Mas para mim Natal que é Natal tem de ter sempre algumas coisas: a árvore, a lareira, os sonhos, o bacalhau e a chuva! Adooooooro que chova no dia de Ceia! Jamais me imagino a passar o Natal num país tropical. Sonho com o dia em que neve em Aveiro…as árvores, ruas e telhados de manto branco vestidos…dentro das casas a lareira crepitante enquanto as pessoas se reunem à mesa. Uma ilustração perfeita do meu Natal. E vocês? Como é o vosso Natal perfeito?

blog6

Bolo de Limão e Frutos Vermelhos

SERVE: 6
TEMPO PREPARAÇÃO: 45MIN

INGREDIENTES:
5 Ovos
Raspa de 2 Limões
150g Açúcar Branco
200g Manteiga de Vaca
1 colher chá fermento
125g frutos vermelhos (usei congelados)
280g farinha trigo para bolos
Manteiga e farinha de trigo q.b. para preparar a forma

Icing de Limão:
5 c.s. de açúcar em pó
1 c.s. de sumo de limão
blog8

blog2

blog3

blog4

PREPARAÇÃO:
Pré aqueça o forno a 180ºC. Unte uma forma com manteiga e polvilhe com farinha.
Bata os ovos com o açúcar até obter uma mistura fofa e esbranquiçada.
Junte a raspa dos limões e a manteiga derretida e misture.
Adicione a farinha peneirada e o fermento.
Adicione os frutos vermelhos e com uma colher envolva-os na massa sem esmagar.
Coloque o bolo no forno durante 25-35 min ou até o palito sair seco.
Deixe arrefecer antes de desenformar.
Para preparar o icing: Misture o açúcar em pó com o sumo de limão até desfazer os grumos e regue o bolo.

blog7 blog5

Bolachinhas de Limão

Ultimamente os dias frias fazem apetecer receitas de forno, e doces…muitos doces! Sinto-me como um urso a acumular energias para a primavera. Só me apetecem gulodices. Não tenho por hábito fazer biscoitos (requerem uma dose de paciência que naturalmente não me assiste), mas desta vez mentalizei-me que queria fazer algo assim e até nem correu mal!

Chaleira ao lume, lareira ligada…e temos tudo para um serão perfeito!

2

SERVE: 4
TEMPO: 45min

INGREDIENTES:
2 ovos
Raspa de 1 Limão
300g de farinha de trigo
1 c.s. de canela em pó
100g de Manteiga derretida
150g de Açúcar
1 Ovo para pincelar

100g de Açúcar em pó
Sumo de limão q.b.
Açúcar para polvilhar q.b.

PREPARAÇÃO:
Pré aqueça o forno a 180ºC.
Numa taça bata os ovos com o açúcar. Junte a manteiga derretida, a raspa de limão e a canela.
Noutra taça coloque a farinha e adicione a mistura líquida. Misture e amassa até obter uma massa uniforme que possa ser estendida. Pode ser necessário juntar mais farinha.
Reserve durante 30 minutos.
Numa bancada polvilhada com farinha, estenda a massa até 1 cm de altura, e corte no formato que quiser. Não se esqueça que qualquer formato que escolher deve permitir uma cavidade para levar o icing de limão.
Leve ao forno até ficarem douradas (cerca de 15 minutos).
Retire e deixe arrefecer completamente.
Numa taça coloque o açúcar em pó e junte algumas gotas de sumo de limão, mexendo até obter a consistência desejada. Verta nas cavidades e deixe secar antes de guardar as bolachas num frasco hermeticamente fechado.

Polvilhe com açúcar em pó (opcional)

3