batata doce

Pastéis de Batata Doce e Amêndoa

Na semana passada publiquei esta receita , onde usei batata doce. Como gostei tanto do resultado, fiz também estes pastéis que fazem lembrar os famosos pastéis de feijão. À semelhança do feijão, também a batata doce é muito rica em amido, e como tal é um ótimo espessante natural para qualquer receita. Estes pastéis foram um sucesso cá em casa, e como fiz uma dúzia deles tive de repartir o mal pelas aldeias, não fosse a MINHA aldeia não caber nas calças amanhã.

2

Mas se não gostarem de batata doce (eu não gosto em pratos salgados) podem ficar totalmente descansados com esta receita, porque o seu sabor é muito discreto e suave, e os pastéis são aromatizados com a canela, pelo que de batata doce pouco se sente.

3
SERVE: 12
TEMPO: 60 MIN

INGREDIENTES:

massa:
200g Farinha Trigo
80g manteiga
1ovo
Água morna q.b.
Manteiga e farinha q.b. para as formas

recheio:

1 c.chá de canela em pó
250g de pré de batata doce
50g de amêndoa ralada
200g de açúcar
200g de manteiga
100g de Farinha de Trigo
5 gemas+3 Ovos
Açúcar em pó e canela para polvilhar

PREPARAÇÃO:

massa:
Peneire a farinha para uma taça, adicione a manteiga amolecida e o ovo. Acrescente água suficiente para ir amassando até obter uma massa uniforme.
Deixe a massa repousar no frigorífico durante 15 minutos. Decorrido este tempo, unte forminhas com manteiga e polvilhe-as com farinha. Forre-as com a massa e coloque as forminhas no frigorífico enquanto prepara o recheio.

recheio:
Coza as batatas. Descasque-as e triture-as em puré.
Numa taça coloque a amêndoa ralada e o puré da batata. Adicione as gemas e os ovos, mexendo entre adições. Incorpore a farinha, o açúcar e a manteiga amolecida. Misture até obter uma massa uniforme.
Coloque o recheio nas forminhas e leve ao forno pré-aquecido a 160ºC durante 30-40 minutos.
Quando os pastéis estiverem cozidos, retire-os, deixe-os arrefecer antes de desenformar e sirva polvilhados com açúcar em pó.

Churros de Batata Doce com Ganache de Chocolate Negro e Laranja

Finalmente uma receita! Ultimamente sei que não tenho tido grande disponibilidade, às vezes a vida é mesmo assim…andamos tão enredados nas coisas do dia a dia, que o tempo acaba por passar a voar.

Da horta da minha sogra têm chegado tantas coisas boas: tangerinas, couves, bróculos, nozes. Vieram também umas batatas doces ótimas, e este fim de semana foi a oportunidade ideal para lhes fazer bom uso. Confesso que não as adoro como companhia para carnes ou peixe, mas em sobremesas são muito polivalentes.

2

Estes churros ficaram qualquer coisa, e a ganache aromatizada com laranja ajuda a cortar a riqueza dos fritos. Sei que o Natal está quase à porta (falta só 1 mês, já repararam??!!) e devia andar a poupar-me para a época de fartura que há-de vir mas, domingo de chuva com lareira acesa, só pedia qualquer coisa assim!

3

SERVE: 6
TEMPO: 45 MIN

INGREDIENTES:
300ml de água
1 c.chá de sal
300g de Farinha de Trigo
200g de Batata Doce
1 Ovo
Óleo para fritar (1/2 L)
100g de Chocolate Negro (70%)
100ml de Natas
Raspa de 1/2 Laranja

PREPARAÇÃO:
Coza as batatas (com pele) e quando cozidas escorra e deixe arrefecer. Retire-lhes a pele reduza-as a puré. Reserve.
Num recipiente em banho maria, derreta o chocolate juntamente com as natas e a raspa da laranja, mexendo ocasionalmente. Reserve.
Num tacho coloque a água e o sal e deixe levantar fervura.
Quando ferver, desligue o lume e junte a farinha mexendo sempre até despegar do fundo. Vá adicionado a polpa da batata, mexendo sempre. Junte o ovo e reserve por 15 minutos no frigorífico.
Coloque o óleo a aquecer numa panela ou fritadeira e deixe aquecer (até aos 160ºC aproximadamente).
Coloque a massa num saco de pasteleiro e vá colocando pedaços de massa no óleo quente. Pode fritar círculos de massa e depois cortar com a ajuda de uma tesoura, ou conforme vai deitando a massa no óleo, peça ajuda a um par extra de mãos que corte a massa em comprimentos equivalentes.
Retire, coloque os churros em papel absorvente antes de servir com a ganache de chocolate. Sirva quentes.