azeitona

salada de arroz selvagem com requeijão e nozes

Bom, acho que é desta que podemos contar com uns belos dias de primavera! Em Abril, águas mil…mas eu vou-me contentando com os dias compridos e as roupas mais curtas!

O tempo mais quente pede outros alimentos. Primeiro porque o verão está quase aí e o bikini não perdoa os pecados que o inverno cometeu Depois porque apetecem outros sabores. Frutas frescas, saladas, comidas leves, mais frias, mais saudáveis, mais fáceis de preparar. Sumos, batidos, taças com fruta…tudo em modo bem informal e familiar, quer em casa quer num piquenique.

Esta salada glorifica não só o requeijão como uma recente descoberta minha: o arroz selvagem! Estou completamente rendida. O sabor, o aspeto, a textura são viciantes! Fica mesmo bem numa salada como esta! ~
E vocês já experimentaram?

SERVE: 4
TEMPO: 30min

Ingredientes:
1 chávena de arroz selvagem
2 ovos cozidos
1 molho de coentros frescos (a gosto)
Sal e pimenta q.b.
3 c.s. de azeite virgem
1 c.s. de vinagre de vinho tinto
½ chávena de miolo de noz
½ chávena de azeitonas descaroçadas
1 requeijão de alho e ervas

Preparação:
Numa panela coloque o arroz selvagem.
Coloque água suficiente para o cobrir, junte uma pitada de sal e leve a cozer. Conte 15 minutos a partir do momento que começar a ferver. Escorra, passe por água fria e reserve.
Pique os coentros finamente. Reserve.
Numa taça coloque o arroz e junte os coentros. Adicione o miolo das nozes, as azeitonas e o requeijão desfarelado.
Numa taça junte os ingredientes da vinagrete: misture o azeite e o vinagre e tempere com sal e pimenta.
Regue a salada com o molho e misture os ingredientes.
Coloque os ovos cortados em gomes sobre a salada e sirva fresca ou à temperatura ambiente.

Crostini’s de Requeijão, Salmão e Azeitona

Ultimamente os horários cá de casa andam todos trocados. Acho que a chegada de um bebé é assim mesmo. Para alguém que aprecia bastante horários e rotinas como eu é algo difícil ajustar-me a esta nova realidade. Ainda por cima porque eu sou aquela pessoa que mesmo quando não está a fazer nada, está sempre a fazer alguma coisa (não sei se me faço entender). Agora nada disso é possível…há dias muito bons em que consigo fazer imensas coisas, outros em que só consigo dedicar-me exclusivamente à bebé.

4

Verdade absoluta: a chegada de um filho muda-nos visceralmente. Passamos a ter outras prioridades, a relativizar tantas coisas que antes pareciam enormes e que passam a ninharias, a apreciar o silêncio e as pequenas coisas que nos fazem sentir normais e tão “nós”- aqueles pequenos prazeres do dia-a-dia tão nossos e triviais mas que damos por garantidos: ler uma revista, saborear um café, comer devagar, preparar uma refeição com calma (algo que gosto tanto de fazer!) ou saborear um crostini destes, com os pés para cima enquanto se olha pela janela.

SERVE:4
TEMPO: 20MIN

INGREDIENTES:
4 c.s. de Azeitonas Pretas Descaroçadas
100g de Requeijão de Vaca Tété
2 c.s. de Cebola roxa picada
Raspa de 1/2 Limão
2 c.s. de Salsa Picada (guarde algumas folhas para decorar)
2 c.s. de Maionese
Sal e Pimenta q.b.
4 Fatias de Salmão Fumado
4 fatias de Pão de Centeio
1/2 Malagueta vermelha

Pique as azeitonas, a cebola roxa, a malagueta e a salsa. Junte tudo numa taça e adicione a raspa do limão.
Acrescente o requeijão, a maionese e metade do salmão picado.
Tempere com sal e pimenta. Misture e reserve.
Toste as fatias de pão de centeio e disponha o preparado anterior sobre estas.
Decore com restante salmão picado, folhas de salsa e pimenta moída por cima.

3

2