O pecado da gula

Se há coisa que eu gosto de fazer, é de petiscar! Seja em piqueniques, jantaradas, festas, eventos…qualquer ocasião serve de desculpa para comer!
Nós portugueses somos verdadeiramente viciados em comida. Fizemos da nossa gastronomia uma riquíssima coleção de receitas feitas com ingredientes menos usuais e que noutros tempos chegaram mesmo a ser rejeitados: os pés, rabo e orelhas de porco, as tripas, as cabeças de peixe, os miúdos dos frangos…em outras tantas culturas ingredientes completamente desprezados, e que ultimamente têm sido novamente redescobertos e reinventados.
Prova de que além de astutos somos um povo criativo e perspicaz, é que mesmo com poucos ingredientes podemos criar os melhores pratos a um custo bastante acessível. Se pensarmos bem, os melhores petiscos portugueses são na verdade bem baratos e fáceis de fazer, e muitas vezes com os ingredientes mais acessíveis: as moelas, os pézinhos de coentrada, a orelha grelhada com molho verde, a feijoada ou a dobrada…e poderia continuar a enumerar os milhentos exemplos da boa cultura gastronómica do nosso país.
Esta é uma dessas receitas: simples, com meia dúzia de ingredientes, meia hora e fica com os pãezinhos de queijo ideais para aquele lanche entre amigos ou para abrir o apetite antes da refeição.

b

SERVE: 4 pessoas
TEMPO DE PREPARAÇÃO: 35 min

INGREDIENTES:
300g de farinha para bolos
1 pitada de sal
50g de manteiga
20g de açúcar branco
120 ml de leite
1 c.chá de fermento em pó
2 ovos
100 g de queijo curado ralado (usei o nº1)

1

PREPARAÇÃO:
Pré aqueça o forno a 220ºC.
Num taça junte os ingredientes líquidos: o leite e um dos ovos.
Noutra taça acrescente todos os restantes ingredientes (à exceção do outro ovo).
Esta massa deverá ser amassada apenas o suficiente para unir os ingredientes e para que não fique dura.
Com os dedos una os ingredientes secos, apertando a manteiga para que esta se vá desfazendo.
Junte os produtos líquidos e misture apenas o suficiente para que a masse fique coesa. Pode ser necessário juntar um pouco mais de farinha, dependendo do tamanho dos ovos.
Disponha a massa numa superfície enfarinhada. Molde-a brevemente com a ajuda das mãos, para que fique com uns 6 cm de altura.
Use uma taça, chávena ou molde para cortar pequenos círculos da massa.
Coloque os pãezinhos num tabuleiro forrado com papel vegetal.
Bata o ovo que resta e pincele os pãezinhos.
Leve ao forno durante 15 a 20 minutos ou até que fiquem bem douradinhos. Sirva de imediato ou mornos.

b